3 comentários:
De dragão Vila Pouca a 15 de Agosto de 2009 às 21:24
Fundamental vencer, mas para vencer vai ser preciso muito mais Porto que na final da Taça e da Supertaça.
Ao valor do adversário é preciso juntar o factor campo - mais pequeno e por isso mais difícil de jogar -, o Factor Xistra e o desgaste de grande parte dos jogadores que estiveram na selecção.
Resumindo, só um Porto ao seu melhor nível sairá com os três pontos da mata real.

Um abraço
De Armando Pinto a 16 de Agosto de 2009 às 20:30
Antes, no início da jornada 1ª, logo a taça do campeonato já esteve exposta na Luz, com antecedência...!
Indecente o que se passou. O Porto nem jogou mal, mas assim não vai ser possível. Isto foi só uma amostra, se nos continuarmos a calar, ou melhor a comer e calar. Fomos claramente prejudicados por uma arbitragem dendencialmente habilidosa, e depois ainda aparecem uns comentadores da treta a inventar um pseudo-caso final, para desviar atenções, especialmente da expulsão do Hulk, a quem, com estes juízes, é permitido dar porrada, mas logo que disputa uma bola com mais virilidadede, é punido... E aparece no fim o Jesuldo com umas falinhas mansas, em vez de dizer o que devia... Enquanto no clube não houver quem diga veementemente as verdades, como fazia o Pedroto, vamos ser sempre roubados indecentemente... Eles lá em Lisboa bem diziam que este ano é que ia ser... Assim... Não venham agora espertos a dizer que este ou aquele dos nossos jogou mal, assim ou assado, a verdadeé que se não houvesse habilidades o Porto vencia.
De dragãoatento a 16 de Agosto de 2009 às 23:43
A minha opinão
Os meus 50 anos a ver jogar futebol permitem-me ter uma opinião avalizada sobre a prestação da equipa em Paços de Ferreira.
Aspectos negativos da equipa do FC Porto: No golo do Paços o Helton pareceu-me estar a dormir. Os internacionais portugueses pareceram-me acusar os efeitos do jogo a meio da semana pela selecção. Farias! É um jogador com técnica, mas a quem falta velocidade (agressividade) e presença física na área adversária para competir com os cavalões adversários. Melhor do que ele, o Postiga, deixou o FC Porto ir para o Sporting. Tal como o Farias falta-lhe presença física para poder ser goleador. Qualidade técnica tém ele. Aspectos positivos: Falcão melhor que o Farias: mais mexido e com bom poder de elevação. Excelente o golo que marcou...! Arbitragem: já se sabia que o Xistra na dúvida decidia sempre contra o FC Porto. Hoje mais uma vez, utilizou uma dualidade de critérios gritante na avaliação dos lances. Sempre muito permissivo com os jogadores do Paços, inclusive deixando-os discutir as suas decisões, e, excessivamente rigorosos os dois cartões mostrados ao Hulk.

Comentar post