3 comentários:
De dragão Vila Pouca a 20 de Setembro de 2009 às 17:18
Quando o melhor sector do F.C.Porto é a defesa - excluindo o Helton -, acho que há muito pouco para dizer.

Uma desilusão. Se após Londres fiquei com a convicção que estavamos no bom caminho e não iamos passar pelo mesmo pesadelo que passamos por esta altura da época passada, agora, depois desta pobre exibição, já não tenho certezas nenhumas.

Se em Stamford Bridge, pelo grau de exigência, até nos podemos conformar com a derrota, ontem, não há nada que possa abonar em nosso favor.
Um meio-campo, onde o melhor, mais esclarecido, mais dinâmico e mais construtivo foi o Fernando, explica muito a nossa derrota justa.
Sem meio-campo não há ataque que resista, embora quer a Hulk quer a Falcao, principalmente, fosse de pedir mais.

Vem aí o Sporting e depois o A.Madrid. O grau de exigência não vai ser o mesmo de Inglaterra. Que Jesualdo seja capaz de encontar o antídoto para resolver a irregularidade e regressar às vitórias.

Um abraço

De dragãoatento a 20 de Setembro de 2009 às 21:24
Pois é caro Jesualdo Ferreira o "maçarico" (treinador novato) do Domingos Paciência deu-lhe um autêntica lição de táctica, de estratégia futebolística!
Quem ontem viu jogar o Braga apercebeu-se do actual sistema de jogo da equipa. Temos de reconhecer o mérito do Domingos Paciência, pois conseguiu mentalizar os avançados da equipa de que não basta saber atacar, também é preciso saber defender. Por isso, no Braga toda a gente defende e quando de posse da bola muitos disponibilizam-se para atacar, e, fazem-no bem. Outro aspecto que ressalta à vista do espectador é a facilidade de movimentação, de desmarcação dos jogadores, que a equipa do Braga põe em pratica. A facilidade com que os seus avançados progridem até à baliza adversária em triangulações e tabelas fazendo circular a bola duns para os outros.
Acabando por se transformar num espectáculo agradável para os apreciadores do Futebol.

Jesualdo Ferreira: «O Sp. Braga ganhou bem.
É evidente caro Jesualdo, que o Braga ganhou bem! Porque o Domingos demonstrou conhecer bem os processos de jogo e as características dos jogadores do FC Porto. O que significa que estudou e preparou bem a lição.
Em contra-partida, o Jesualdo, deu a sensação a quem estava a ver o jogo, de não conhecer bem a actual realidade da equipa do Braga assim como a sua actual forma de jogar. Daí a ineficácia e por conseguinte a derrota da equipa do FC Porto.

Abraço
De dragãoatento a 21 de Setembro de 2009 às 08:38
Olá!

Atenção às declarações do Domingos sobre o jogo...!

Domingos: “A sorte também se procura…”
O treinador do Sporting de Braga, Domingos Paciência, reconheceu alguma sorte no golo que deu a vitória diante do FC Porto mas salienta que o triunfo só foi possível por via de muito trabalho e empenho por parte dos jogadores bracarenses.
...“ Não era por acaso que o FC Porto não perdia fora de casa há 10 meses. A sorte também se procura e o trabalho, empenho e disponibilidade dos jogadores foi excelente”, adiantou.

Um Abraço

Comentar post